quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Vc não nasceu, vc estreou!!!!

Minha pequenina,

Eu acho que demorei tanto para escrever esse post pq estava procurando as palavras que pudessem descrever o quanto esse momento foi especial. Eu queria te escrever as melhores palavras, as melhores poesias, a melhor melodia. Mas eu não pude encontrar nada que se comparasse ao momento do seu nascimento. Foi algo tão sublime e especial que eu jamais poderia descrever com palavras. Por mais que eu tentasse descrever tudo que aconteceu, ainda sim seria simples de mais comparado a tudo que eu vivi. Então decidi tentar descrever com simplicidade a emoção mais intensa que eu já vivi. 

No centro cirúrgico frio com todas aquelas luzes enormes no meu rosto, quantas pessoas passando de um lado para o outro, médicos, enfermeiros, quanta movimentação. No meu peito a movimentação era ainda maior, meu coração estava acelerado que eu nem podia me contar. Minhas mãos tremulas, minha pele gelada. Recebi um abraço carinhoso da Dra Ana Luiza, ela chegou e disse "Tábita minha querida, vc está bem?" Eu só consegui dizer: "Eu estou tão nervosa Dra". Ela me abraçou forte e disse que tudo iria ficar bem. Em seguida o anestesista veio se apresentar. Um jovem médico tão simpático chamado Dr Tiago. Ele foi muito bacana comigo, agradeço a Deus por ele ter sido tão cuidadoso e delicado comigo em um momento tão especial e delicado da minha vida. Logo veio o momento da anestesia. Um dos momentos da maior medo. Ele pediu para me sentar, disse que não iria doer nada, era só uma picadinha de formiga. :) Minhas mãos tremiam tanto, eu me sacudia toda de tão nervosa. Uma jovem enfermeira me ajudou nesse momento, ela disse que poderia segurar a mão dela e não tinha problema se eu apertasse. Deus é tão bom comigo que colocou alguns anjos pra cuidar de nós. Tudo certo com a anestesia, logo eu já não estava mais sentindo as minhas pernas. Desse momento em diante foi tanta expectativa e nervosismo que parece que tudo aconteceu tão rápido e ao mesmo tempo parece que foi uma eternidade até ouvir vc. Estava preocupada pq não tinha visto a Gizele entrar na sala e eu estava ali só, mas o Dr Tiago disse que ela já estava lá e estava filmando tudo. Fiquei mais aliviada, eu queria que ela te acompanhasse e que não tirasse os olhos de vc por nenhum segundo. Meu Deus, tanta coisa passava pela minha cabeça. Eu estava muito nervosa e olhava para todos os lados sem parar.Até que o Dr. Tiago levantou e disse "Olha só, ela vai nascer! Vamos ver a hora do nascimento...". Filhinha, eu ouvi um chorinho, como um gemido. Foi uma emoção tão grande que comecei a chorar, chorei d+, eu queria muito te ver. Eu ainda ouvi a Dra falando "Pietra não nasceu, Pietra estreou!" a Dra Ana Luiza disse que vc era linda, que estava tudo bem! Levaram vc para pesar, medir e fazer todas as avaliações necessárias. De longe eu ouvia seu chorinho, eu não sabia pq não trouxeram vc para eu ver, fiquei pensando que poderia ter alguma coisa errada. Foram os segundos mais longos da minha vida. Vc estava bem e linda. Meu Deus, como vc é linda!

Esse momento único foi registrado com muito amor. 

Vc nasceu no dia 24/07/2011 às 9:45 da manhã, pesando 2,940Kg e medindo 47cm. Uma verdadeira princesa!!! 


"Filha, menina escolhida por Deus pra fazer sorrir as nossas vidas, com vc os meus dias serão primavera, a flor mais bela que Deus plantou no meu jardim!!!"

Vc é um presente de Deus e nós somos muito gratos a Ele por vc ser maravilhosa, perfeita e ter saúde. Que todos os seus dias sejam trilhados nos caminhos do Senhor e que nunca vc se desvie desse caminho. Que sua vida seja cheia de surpresas e encontros deliciosos. Que sua infância seja alegre e divertida e que vc nunca se esqueça o quanto é amada por sua família e por Deus. Deus tem um plano maravilhoso para sua vida e eu peço que Ele me permita acompanhá-la todos os dias da minha vida. Eu te amo minha pequena. 

Bem vinda ao mundo minha pequena, bem vinda a vida!


Nenhum comentário:

Postar um comentário